segunda-feira, 25 de setembro de 2017
Home / Notícias / Brasil / Mais um padre preso por suspeita de abusar de cinco crianças

Mais um padre preso por suspeita de abusar de cinco crianças

Mais um padre preso por suspeita de pedofilia

Recai sobre o padre a suspeita de que tenha abusado de pelo menos cinco crianças nos últimos dois anos.
Marcos Roberto Ferreira, de 37 anos, foi preso temporariamente na última sexta-feira (9), na cidade de Joinville, em Santa Catarina.

De acordo com nota emitida pela Polícia Civil de Santa Catarina, o padre pertencia à paróquia de São Francisco do Sul, distante 50 quilômetros de Joinville.
Ele já estava sendo investigado desde o fim do mês de maio, quando uma das vítimas relatou o abuso em uma mensagem encaminhada para seu pai.

Depois de apurar a denúncia e conversar com as vítimas e integrantes da paróquia, as autoridades concluíram, até o momento, que o caso envolve pelo menos cinco vítimas, todas com menos de 13 anos, e que os episódios de abuso começaram há, no mínimo, dois anos.

mais vítimas podem vir à tona, já que a a Polícia ainda não finalizou a investigação, uma vez que é possível assumir que o ocorrido com essas cinco crianças, por longos anos, pode também ter ocorrido com outras”, conclui a nota, divulgada na última segunda-feira (12), no site da Polícia Civil de Santa Catarina.

Diocese de Joinville

Em pronunciamento oficial no Facebook, a Diocese de Joinville declarou que, quando as primeiras denúncias do caso vieram à tona, o sacerdote foi afastado de suas funções “conforme prevê o Código de Direito Canônico e orienta o Papa Francisco”, e será demitido do estado clerical caso as suspeitas sejam confirmadas.

A nota ainda esclarece que Ferreira foi transferido, dia 20 de abril, da Paróquia Santa Paulina, em São Francisco do Sul, para a Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Joinville, porém, esta decisão foi tomada por motivos administrativos antes mesmo das investigações começarem. Não haveria, então, nenhuma relação entre os casos de estupro de vulneráveis e a transferência do sacerdote.

A diocese informou que, além de ter aberto um processo de investigação interna sobre o padre, está colaborando com a polícia e presta apoio às vítimas e suas famílias. Por fim, a Igreja afirmou que repudia completamente a pedofilia.

Fonte: Último Segundo – iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2017-06-14/padre-pedofilia.html

Teu comentário é muito importante

comentários

Sobre Adriano Rodrigues

Adriano Rodrigues

Leia Também

Homem se irrita com demora no atendimento, e atira contra clientes em açougue

O título parece absurdo, e realmente é. No entanto, esse fato grotesco aconteceu, infelizmente. Um …

Jovem de Canoas se suicida e deixa carta no Facebook antes de cometer o ato

Você vai ler agora um dos relatos mais tristes e impactantes envolvendo a depressão. Essa …

Share This
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
X