Lígia Rosso
Notícia em Destaque

Respeito: por onde anda esse valor essencial?

Aprendi com meus pais, desde muito cedo, a importância do respeito...

Sou uma cidadã consciente de meus deveres e direitos. Sou uma pessoa que tenta, em seu micro espaço, impactar positivamente a sociedade onde vive. Aprendi com meus pais, desde muito cedo, a importância do respeito.

Fui educada em casa e pratiquei na convivência escolar os valores que meus amados pai e mãe transmitiram pra mim, mesmo sem eles terem recebido isso na infância, pois foram criados em tempos de grandes dificuldades.

Por tentar agir em meu cotidiano dentro da ética e do respeito com tudo e com todos, realmente não consigo ser compreensiva quando observo a falta desses valores nas relações humanas, seja em âmbito pessoal, profissional ou no contexto social.

Penso que, quanto maior o cargo de uma pessoa, seja quem for, mais postura ela deve ter, mesmo diante de situações tensas ou complexas.  Aceitar ou fazer provocações não é liderar de forma adequada. Provocar o ódio, a ira, a indignação são retrocessos para qualquer instituição.

Um líder precisa pensar muito antes de falar, pois estará sendo observado e seu comportamento servirá de modelo para muitas pessoas que o admiram. Então, precisa ser exemplo em suas atitudes cotidianas para inspirar uma sociedade onde atua.

Ao som da música ‘Imagine’ de Lennon eu escrevo este texto, tentando sonhar com um mundo melhor, meio sem esperanças já, pois a cada notícia que leio, percebo o quão caótico está este mundo. Não estamos cuidando da nossa casa chamada ‘Terra’. Não estamos cuidando das relações humanas.

É necessário refletir, não só no contexto brasileiro, mas também mundial, sobre o rumo que as coisas estão tomando e o que podemos fazer, na prática, para uma transformação urgente, antes que valores tais como o RESPEITO e a ÉTICA nas relações se percam definitivamente.

56Shares
Leia também
Fechar
Botão Voltar ao topo